quinta-feira, 26 de março de 2015

Retiro de 4 dias

    

     Bem nunca tinha feito um retiro na minha vida, pensei que não sobreviveria sem o meu telemóvel e longe de tudo o que se passava do mundo...
      A verdade é que me enganei , foi  óptimo porque pode   pensar  mais em mim e assim... Claro que bateu a saudade do D, da minha mãe e do meu best, mas é normal estar  72 horas sem falar com eles é algo que pronto... Foi uma experiência inesquecível  de lá trago quiçá novas amizades , o meu ego um pouco mais elevado e muitos conselhos para aplicar na minha vida. Foi muito aconchegante poder estar este tempo com mais 50 jovens da minha idade ou mais novos ou mais  velhos, apesar  de sermos todos diferentes, uns com feitios mais difíceis  outro mais fáceis, conseguisse  não haver muita chatice pro assim dizer, por isso talvez seja a algo a não esquecer...
      Apenas posso dizer que adorei, que era algo que adorava repetir, por mim tinha ficado lá mais tempo mas o que é bom acaba de pressa e para além disso também sem telemóvel não seria muito fácil, mas  é necessário reconhecer que sem eles pode-se socializar e comunicar muito mais entre nós..

sexta-feira, 13 de março de 2015

Não devemos criar espectativas


Guarde suas expectativas. Ou se possível, não crie expectativas. Se você espera muito e nada acontece, você se decepciona. Se você espera nada e algo acontece, você se surpreende. Você vai perceber que tudo pelo qual você se preocupou foi apenas perda de tempo. Se der certo, você se preocupou com tudo à toa. Se der errado, você se preocupou com algo que nem valia a pena ter investido o seu tempo. Pare de criar expectativas, pare de se decepcionar e se surpreenda.
— Pedro Bial. (via alentador)

      Estou totalmente de acordo, quantas mais expectativas criam se pior é , é muito melhor quando somos surpreendidos  nem que seja  por pequenas coisas que nos provoquem aquele sorriso parvo na cara. Há coisas que derretem por completo e é tão bom acontecerem assim do nada, melhor do que quando pomos a imaginar ah se isso fosse assim, com daquele e tal...Se não for igual e igual já ficamos meio coisos. Daí achar que é mais preferível ser só deixar fluir.

quarta-feira, 11 de março de 2015

Passeio com meu boy


          
            Hoje a tarde foi maravilhosa, passei a  tarde com D e fomos passear, sem ele  próprio saber levou me a sítios que nunca tinha ido antes, foi  espectacular estarmos juntos, brincarmos, darmos carinho um ao outro, depois das todas as confusões que tem havido  foi muito giro.
           Adorei conhecer novo sítio com ele ,   estive nas nuvens basicamente, pergunto-me como é possível que alguém tenha esse efeito em nós. Ai ai , estou completamente apaixonada.. Apesar de não demonstrar, ou não  achar que sou a melhor namorada do mundo damos muito bem quando estamos juntos e sem ninguém para moer o  nosso juízo. Acho que não sei viver sem ele já, cada dia  que estamos juntos apetecesse mais estar mais tempo e  custa me mais ter de ir para casa. Era tudo mais simples  ele vivesse aqui ao lado, fosse  só sair a porta para fora e ver te lá de sorriso na cara e com esses teus olhos a brilhar que me deixam derretida, faz me tão bem, nunca me vou cansar de agradecer por teres revirado o meu mundo e ter feito perceber que tenho de dar uma hipótese ao amor apesar de todas as cenas que aconteceram...Já  está quase a fazer um mês que namoramos e o tempo passou a correr... 
          Como se costuma a dizer  há pessoas que são perca de tempo e outras que nos fazem perder  a noção do tempo!

segunda-feira, 9 de março de 2015

Um minuto de descanso sabia bem



           Às vezes dá aquela vontade de sumir, ir para um local silêncio longe de tudo e todos e por  momento esquecer tudo o que preocupa, tudo o que magoa. Às vezes penso que pedir um bocadinho de sossego é muito,  são poucas as vezes que consigo estar na boa sem haver algo que  venham remexer a minha vida. Acho que nunca irei perceber...Era tudo mais simples se  pudéssemos "fugir para o nosso paraíso imaginário". Sei que a vida não foi criada para ser fácil, mas por momentos podia ser de outro modo. Tenho noção que assim  iremos tornar mais  rígidos e ganhar mais força para o que vier, mas sei lá...Em certas situações é tudo tão desmotivante!

domingo, 8 de março de 2015

Uma Crítica que derruba



             Quem me dera que fosse tão fácil assim, custa ouvir críticas, principalmente todas aquelas que acho injustas, mas não sou do tipo que houve e responde para trás, quando faço isso é porque foi instantâneo.
             Sei que sou o que sou e ninguém tem nada haver com isso, ninguém me conhecesse como eu me conheço, e se eu não me atravesso no caminho de ninguém não vejo razão pro haver gente mesquinha, que tenta por uma pessoa no fundo, mas enfim a vida dá muitas voltas, e um dia aqueles que tentam nos  pisar são os que acabam "atropelados"!

quinta-feira, 5 de março de 2015

Porque é que a felicidade é tão curta?




          Sinto mal por   não conseguir sentir feliz, tudo pode estar a mil maravilhas e tal mas  sitno que exite sepre aquela pedra no sapato...
Cada dia que passa estou mais cansada, porque  é que há algo sempre que tem de nós roubar o nosso sorriso, porque é que há algo sempre que tipo faz sentir mal, mas porque?
Será que sou assim tão má pessoa ? Não sei , estu farta d eperguntar porque tenho esta vida porque é que não posso ser como alguns que tipo tem tudo e não fazem nada, sei que tem os seus aspectos negativos mas...
           Nem o D  anima-me o suficiente  , não é suficiente para sentir  tipo uah, quando estou com ele gosto da sensaçãoe  tudo isso e gosto muito dele. No entanto, quando ele não esta por perto  fico muito pior sinceramente sinto -me sozinha , sinto que não ando a fazer  tetra nenhuma.
Simplesmente queria que as lágrimas deixassem de por cá andar, queria sentir leve como uma pena, sentir me nas nuvens, a felicidade dura poucodevia durar muito mais , é daquelas coisas que  nem para saboriar dá. 
         Estou farta disto tudo,  pode ser mais  uma neura minha que  vá passar depois, mas enquanto isso tenho todos este sentimentos a remexer dentro de mim e  a deixar me triste.

domingo, 1 de março de 2015

March, Please be good !!



            Novo mês a começar daqui 20 dias e estou férias  de novo e sim já estou a pensar nas férias... Mas pronto pensando melhor são mais os contras do que os prós. Vou estar longe do D, vamos falar menos e entre outras coisas, e  não sei como vá ser.
           O mês de fevereiro foi um mês muito mexido ,  com mil euma coisa spara  fazer, não respirei muito ,basicamente foi estudar, testes e testes, e quando tinha tempo livre era para o D. Foi um mês de muitas chatisses e de muitas mudanças. Quando achava que não seria capaz de gostar realmente de alguém de novo como antes,  apareceu ele que veio provar o contrário, ele tem tido um papel muito importante. Considero me uma sortuda por ter alguém que consegue aturar as minhas neuras e mesmo depois disso ainda diz que me ama. Espero que seja desta que dê certo, quero algo sem um fim só com um ínicio...
         Quanto as amizades de momento não sei quem considerar amigo, é complicado sinto que meio afastada, posso estar errada, ou pode ser simplesmente pelo facto de só ter cabeça para pensar mim  e no D e na vida escolar. Como sabem tive várias chatices com meu melhor amigo , apesar de tudo a nossa amizade mantém-se, temos atitudes que pronto são meio coisas, mas a verdad é que gostamos um do outro e somos como irmão inseparáveis. É tão bom estar bem com ele, uma pessoa sente-se muito mais aliviada!
        Quanto à escola bem vai mais ou menos, tento fazer para que corra bem e consiga atingir os meus objectivos, vamos a ver...
          Espero que março seja um bom mês a todos os níveis, e que tudo dê certo no fim. Desejo-vos um óptimo março :)