quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

A good day


          
             Depois de muitos dias negros hoje  o dia foi bem melhor , cheguei a casa toda bem disposta. Não foi  perfeito, perfeito, mas estou animada, tenho bué coisas para fazer desde de estudar para o teste de amanha , até ir fazer um pudim.
            Quanto às cenas com melhor amigo estão melhores, espero que dure e dure, odeio estar mal com ele, odeio sentir saudades do que somos quando estamos bem, odeio que nos magoemos um ao outro por estar zangados. Ele é bué importante, é como um irmão e já tem lugar no meu coração como se costuma a dizer...
              Já me sinto melhor só com isto, espero que continuar assim feliz, porque é espectacular ter um sorriso na cara, e não um aperto no coração.

Dia das amigas



         Nos Açores existe a tradição de comemorar-se o dia das amigas que calha três semanas antes do Carnaval na quinta feira todos os anos.
         Acho uma tradição muito gira porque apesar de  todos os dias serem dia do(a)s amigo(a)s, este é um dia especial porque é uma noite só de mulheres, em que as açorianas saem à rua e vão jantar umas com as outras e vão terminar a noite me bares ou discotecas, enquanto isso os homens ficam em casa, a tratar das lidas e dos filhos se for o caso. O mesmo aconteceu para eles a quinta passada foram eles que tiveram direito. Pensa-se que esta tradição terá 100 anos, e acha-se esta tradição terá surgido pelo facto dos açorianos juntarem se às quintas e ficarem de serão, para escolher trigo e outros que mais tarde seriam usado nas suas típicas comemorações de Espírito santo, e nessas noites era declamadas poesias e cantares que estavam relacionados com amizade.
           Na minha opinião é muito engraçado, e é algo que no continente não existe, e é um meio de rever amizades, ou até mesmo fazer outras.

segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Dizer tudo, o que estava por dizer...


          Hoje esperei que o D  manda-se mensagem e nada  , lá eu acabei por mandar sms , fui contra a  minha vontade, mas pronto fartei de esperar que desse sinal de vida, depois de ontem sem falar...
          O D respondeu, e tal, e fomos falando só que pronto conversa bué fria, chegou-se a parte de o porque das coisas estarem assim, e estarmos a ficar distantes, e  pronto disse tudo o que tinha a dizer, cansei de engolir , cansei de fazer que era na boa ou que nao importava com  ele não me incluir-me nas cenas. Não sou namorada dele por isso até ali não tinha dito nada, mas pronto já que tocou no assunto tive de ser sincera, disse que estava a deixar chateada e triste o facto dele ter desligado. Lá por ter começado a gostar mais dele não significava que ia andar atrás dele, e se agora era mais fria com ele era para proteger.me de magoar. Ele disse que tinha razão em tudo o que tinha dito, e que não tinha que mudar nada do que era , mas sim ele é que não estava a ter uma atitude comigo correcta. Que apesar de estar farto de tudo, não está farto de mim , e o que sente por mim já não sentia a bué por ninguém!
            Tudo isto deixa me a pensar se estou a fazer bem em tentar confiar nele , esperar que as cenas vão melhorar, ou se simplesmente estou a ser parva e ele nunca vá mudar de atitude  empenhar-se como se empenhava de antes, e mais uma vez vão gozar com minha cara. Que acham? Sei que estou bué insegura mas depois de todo o passado sinceramente não consigo ter outra atitude, já foi muita burrice, já foi muita magoa, e repetir os mesmos erros dispensava...

quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

Pessoas que partem-nos o coração



          Basta ser alguém importante, ser alguém que conquiste o nosso coração, para quando começar-se a virar contra nos  fazer moças ou até mesmo parti-lo...
           Pois, actualmente, sinto me assim sem sorte na vida! E sem melhor amigo, as discussões estão a dar cabo disto tudo, é mau quando o próprio melhor amigo diz que estamos a cagar nele, e que somos isto ou que fazemos mal e isto tudo e ou até mesmo manda esquecer a existência...Devia saber o que custa estar assim , sei que lhe custa, mas tratar-me assim por estar magoado comigo , num momento dizer  uma cena e noutra atacar-me...Fogo porque me acontecesse isto, será que não tem olhos na cara para ver atitude, para ver que  a nossa amizade é das melhores coisas que tenho, que ele é o meu confidente, que é nele que gosto de dar mimos, que ele é o irmão que nunca tive, que mesmo longe é bué importante! Não sou perfeita e não consigo tratar dele como se calhar gostava mas poça sabe que não faço por mal ...
          Nada que eu diga fará as coisas melhorarem ,  é uma coisa que tem de ser a dois , não pode ser um só a puxar, mesmo magoado  há coisas que valem a pena, e neste caso vale  por todos os momentos que tive do lado dele. Isto já não é só uma fase, é puro azar, estou esgotada , farta.. Como vou lutar , como  vou fazer para não perder isto ? 

quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

Roubar um sorriso





         Às vezes nem tudo é como queremos, podemos sonhar com as coisas mas muita vez  tudo está depende de outras pessoas. Do que estas sentem por nós, por isso resta  ter fé que  as coisas correram tal como desejamos, o que é praticamente impossível, porque existirá sempre momentos menos bons, porque ao contrário da historias da Disney que são do tipo " E viveram feliz para sempre!" Na vida real não há nada disso,  ela ensina-nas com passar dos anos que para se conquistar alguma coisa temos que  ir a luta e é necessário dar valor ao  que conseguimos,  porque são raras as vezes que há segundas oportunidades.
           Das coisas que mais gosto de ouvir é que sou motivo do sorriso de alguém, é porque julgo que estou fazer as coisas direito e sinto que este sente-se bem comigo. Tal como adoro que haja aquele alguém que me provoque sorrisos "parvos", e aquelas "borboletas no estômago".  
          Acho que adorávamos poder viver todos dias com  um constante sorriso que em beleza-se a nossa cara. Claro que muitas vezes passa-se o oposto, estamos triste e sem vontade de viver , mas quando  roubam-nos um sorriso é tipo uah , que bom ! Conseguem perceber do que falo né? Talvez fosse algo  perfeito de mais,  mas pronto para sonhar ainda não se paga.

segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

PERCA DAS FORÇAS




           Uma dor que me destrói por dentro, que atinge o coração, fazendo-lo em pedacinhos, e não há nada que cure isso senão o tempo, e muitas vezes nem isso, fica uma  ferida, e todas as vezes, que é toca tudo vêem ao de cima, os monstros do passado reaparecem e todo aquele sentimento mau renasce. Porque é que existe pessoas que só estão bem quando rebaixem as pessoas? É necessário tudo isto ?
        Estou esgotada, sem forças,  não consigo meter o falso sorriso na cara, acho que depois destes dias já  não há nada que me levante a moral. Para que aturar  isto, a razões de viver cada dia só mínimas!
           Se perguntarem me onde fica o meu D no meio disto, respondo não faço ideia, as coisas não tem corrido bem já la vão três dias a tentar estar com ele , e nunca a dar certo...Talvez seja sinal , ou simplesmente puro azar! Preciso de sorte, pois a coragem já a tenho, mas sorte é como dinheiro , é pouca e só para alguns!
         Com dias assim, uma pessoa quase que desiste de tudo, talvez por não encontrar o seu papel no meio de tanta confusão, ou simplesmente por ser insignificante. A vida as vezes exige demais do que podemos dar, e o resultado de tudo isso é negativo, como é óbvio.

sábado, 17 de janeiro de 2015

Fim de semana sem descanso

     
        A semana parece que levou séculos a passar, já não tinha uma semana tão má à algum tempo.
       Tive alguns atritos com amigos, recebi uma ficha de trabalho de matemática que estava à espera de tirar positiva e tirei nega. No  dia que era suposto ter ido ter com D não deu, porque teve a chover o dia todo e mesmo sem aulas a tarde tive fechada na escola e passei-me, parecia presa entre quatro paredes de livro na mão.  E para acabar a semana em grande  aleijei me no joelho.
       O fim de semana lá acabou por chegar, e se estava pensar que teria descanso , pimba enganei me, pelo contrário tenho mil e uma coisa para fazer, sabem o que me apetecia mesmo? Era estar no relax, pensar em post para escrever, falar com D, e com melhor amigo e passar o dia inteiro enfiada no quentinho da minha cama. Em vez disso, tenho uma carga de trabalho de casa de matemática, trabalho de química para fazer, biologia para estudar, ah e ainda um quarto para arrumar...
      Bem terei de por mãos ao trabalho, senão fica metade por fazer!


p.s Combinei na segunda estar com D , vamos a ver se o tempo deixa...

quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

Passado presente por vezes



             Quantas vezes já sentiram medo de começar algo novo com alguém, e dizer a nós próprio que não estamos prontos, mas  outra parte dizer vá em frente?
             Algumas ou pelo menos uma vez na vida, acredito eu...Quem sabe o que é ter gostado a séria e depois ter sido magoado e ficar marcado, sabe bem do que falo. Poderá existir outras razões para esse pensamento, mas julgo que esta seja a principal. O estar devido entre o querer e o não querer, por vezes complica as cenas, mas há que chegar se a um ponto e dizer se - sim muito bem quero isto para mim ou não não quero isto! Se esse outro alguém  gostar e se quiser que estejamos bem  irá compreender e esperar até haver uma resposta.
           Isto é a minha maneira de ver as coisas poderei estar errada mas pronto...


p.s. Sendo sinceramente por vezes penso assim , desde que conheci o D, e  parece que as coisas podem correr bem, que penso: estarei preparada para tudo isto depois daqueles seis meses? Será que vá acontecer o mesmo? E depois dou por mim a pensar o quanto gostava de estar com ele, e poder rir , brincar, falar, essas coisinhas assim simples, mas com bué de significado. Sinto que o tempo guiará-me no caminho melhor!

terça-feira, 13 de janeiro de 2015

Falta de Coragem + Tristeza = Destruição interior

                
              É complicado, às vezes,  fazermos algo que até gostávamos porque há falta de coragem...Muitas são as  vezes que se calhar pomos para trás a nossa felicidade ou até mesmo por um sonho por ter medo das consequências ou de simplesmente de correr mal!
                A verdade é que provavelmente sou uma dessas pessoas, que deixa escapar oportunidades por ter receio  do que acontecerá. Penso muito, e stress-o muito, tenho sempre receio do que vão dizer aos meus pais ou até mesmo das minhocas da cabeça da minha irmã, porque já tive problemas anteriormente e tipo a partir dai comecei a sentir me mal... Foi o horrível e é horrível sentires que és controlada a cada passo que dás na rua, é mesmo  que teres um detective em cima de ti. Mesmo com a idade que tenho é péssimo , uma rapariga que está quase com 18 ser tratada com uma de 5 , é triste magoa me, porque eu não saio de casa, eu não posso  estar vontade com amigos porque  isto e por que aquilo. Mesmo já disse à minha mãe se ela preferia que fosse a rapariga de um ano atrás, que andou deprimida, não comia nem nada ... Acho por ter aproveitado um pouco mais a vida e ter tido namorado, que foi tipo catastrófico. É super mau terem uma irmã que vos mete para baixo , que faz nos parecer uma pessoa péssima , que adora por-nos no fundo...E depois é tal, que na altura dela não era nada disso a vida que levava, vá se a ver fazia igual ou pior não sei...Pergunto me inúmeras vezes que mal fiz eu assim de tão grave para ter de sofrer isto! Sempre ouvi dizer que nós aprendemos e com nos erros , se queriam me educar de outra maneira já vão tarde, na minha opinião, tenho a minha maneira de ser e se ela não gosta que se lixe, pode ser que um dia ainda dei valor e seja tarde demais...  
                À dias falei do novo rapaz, o D, já nós damos a um mês e tipo a vontade de ir dar uma volta com ele cada dia aumenta mais, mas fico tão stressada de pensar ai se isso chega aos ouvidos da minha irmã ou da minha mãe, vão fazer um filme do caraças onde não há razão para tal...E por isso tenho fugido a situação, mas sei que é algo que terei que acabar por arriscar, porque não faz sentido nenhum não aceitarem as minhas escolhas...E se calhar até posso vir a ser muito feliz e pimba acham que devo deitar a minha felicidade ao mar? Poh odeio esta sensação , é que depois fico triste, porque é horrível ter de desistir de algo pelo medo do ter problemas, para evitar , para não se passarem comigo, mas claro como é óbvio ficam se a cagar pelo facto de estar bem ou não.
              Sinceramente, estou doida para ter a minha independência, ninguém merece isto, e só percebe a situação quem passa por ela, e por amor de Deus não me venha dizer que querem o meu bem, porque uma coisa é o bem, outra é impedir de viver e aprender, e estou na idade de isso a meu ver. Mas pronto andando e vendo, hei de tentar manter me forte e não desanimar que remédio...

sábado, 10 de janeiro de 2015

PREÇO DA FELICIDADE


          Se para ser feliz é preciso de ter amizades a ir por água baixo pergunto me  valará a pena?
         Bem da última vez  que aconteceu algo do género, tive  feliz durante uns meses como nunca tive na vida , não sei até que ponto servirá. Odeio me chatear com os meus amigos, fará com  meu melhor amigo...Ultimamente as coisas não correm bem, fico cansada de discussões e tal, mas sei lá, penso só nos bons momentos porque se for a ver os maus acho que me sentirei tipo  no fundo! Se um dia deixar de haver amizade vá ser muito esquisito, acho que somos muito agarrados um a outro, somos como irmãos.
        Espero que seja só uma fase,  não gosto de estar assim , mesmo feliz com tal rapaz que conheci, não consigo estar bem, porque não estou bem com melhor amigo...

sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

Revelações

           

           Acho que está mais do que na altura de vos por a  pare do que se anda a passar comigo...
           No final de dezembro disse que andava sem inspiração, e   muito disso foi causado pelo facto de ser um mês que não gosto muito, ao contrário de mil e uma pessoas mas vá. Posso para além de dizer isto, que o tempo que tive de férias era suposto ter mais tempo para escrever  no meu cantinho e dedicar mais , pois era o que pensava, mas não foi o que aconteceu.
          Andei muito em baixo, houve dias que tipo comia e pouco mais, falava com o meu melhor amigo só praticamente, no entanto  vá na volta falava com mais alguém, mas era porque viam até mim. Nesta altura do ano fico assim e vou ter de ser sincera, pensei muito no que me aconteceu à um ano atrás... A pessoa que entrou na minha vida e mudou por completo e passado um ano ela não ser mais do que uma mera pessoa. Houve dias que foram uma  bela treta, e os que não foram devo-os a o meu grande amigo.
          Vá mas nem tudo é mau , dezembro trouxe me gente nova para minha vida, ou melhor, uma pessoa, que dia após dia cada vez me conquista mais e que cada vez  gosto mais...Sim, é o tal rapaz que falei, damos espectacularmente bem, penso que não tem nada haver com nenhum dos rapazes que algum dia conheci, espero não estar enganada, mas pronto sei com tempo verei e com tempo também perceberei o que vai dar isto. Ainda não houve um encontro para podermos perceber melhor o que somos, mas espero que seja em breve haja. É alto que de momento só está a depende de mim e no ter de ganhar coragem...
         Actualmente, posso dizer que sinto bem, estou feliz , calma e sinto tipo nas nuvens kkk, é muito bom sentir assim, era algo que estava a precisar, tinha medo do ano novo mas vá ate agora não posso queixar muito, espero que continue assim e que tenha sorte, vamos a ver!


P.s. Desculpem o tamanho do texto, mas pronto era algo que tinha de ser expressado....

Sem sombra de duvida!



           Não temos noção mas  a partir do momento que conhecemos alguém e começamos a falar com ela horas e horas , e dia após dia acabamos por a pegar-nos a ela, pelo menos é minha opinião. 
         Sou de falar com toda a gente, se me falarem eu respondo, e se forem pode conversa  vou falando naquela, e até ai  é naquela de ser indiferente ou não falar. Mas às vezes fechamos a um ponto que começa haver uma certa ligação e  tipo nem damos por ela, só mesmo quando estamos um dia sem falar com pessoa e perguntarmos a nós mesmo onde anda ela porque o dia parece incompleto, não sei se me estou explicar bem, mas sei lá acho que todos nos passamos na vida por essa sensações, principalmente quando é alguém que se está a tornar importante, e é aquela pessoa que nós faz dar um sorriso parvo sem nos aperceber. 
            Penso que todas as pessoas que conseguem nos tocar nos coração e que querem o nosso bem e que nos enchem a alma de alegria, são aquele tipo de pessoas que nós devemos "guardar" para nós e valoriza-las , porque pessoas assim são sei lá tipo tesouros...

quinta-feira, 8 de janeiro de 2015

Em poucas palavras parte de mim...



.
               Às vezes estou bem e de repente fico mal, ou o oposto. Não é preciso muito para ficar com outro espírito , às vezes as coisas menos significativas podem provocar isto em mim. Daí ser secalhar um pouco bipolar...
               Do mesmo modo que me considero uma pessoa  que por fora tenta ser forte, talvez já fui mais forte do que já não sou, mas também depende da situação. Há limite para tudo, e nós  apesar de vivermos como ferro, há alturas que ficamos mais fracos mas temos de pensar que até o próprio ferro oxida-se...
               Hum dos meus maiores defeitos é ser muito coração mole, é algo que gosto e não gosto em mim. Primeiro porque  acham que sou ingénua, lamento mas não, tenho olhos bem aberto para as coisas, no entanto às vezes talvez prefira parecer cega só isso... Segundo, porque tento ver o lado bom das pessoas e tipo acredito sempre que algo melhor para além daquilo que se vê à primeira vista e pimba a maior parte das vezes a coisa corre mal. E terceiro porque é um dos meus ponto fracos não consigo estar mal com ninguém perdoo facilmente e gosto facilmente.
               Penso que até sou uma pessoa inocente não sou muito do tipo de ser falsa, sou fiel aos meus amigos, se algum dia não fui   por alguma razão terá sido, provavelmente porque secalhar para mim não era mais amigos, inocente também porque não sou de armar confusões nada disso , não  gosto de histerismo, não gosto de gente que tem o rei na barriga, não tento chamar atenção...
Quanto ao stressada bem, apresento com a Mariah a stressada, sim eu sou a rapariga mais stressada do planeta terra, faço mil e um filme , complico o que é fácil, fico bué mal disposta quando não há razões para tal, mas pronto já é de família a minha mãe também é muito stressada e pronto o stress reina na família se formos a ver...
               E por fim toda apaixonada, porque fico uma toto , fico muito feliz, muito mais disposta, mas também com  mudanças de humor quando as cenas não estão bem , com ciumes , alguns medo e tal mas pronto dedico 100% ao rapaz,  e  tento ser o melhor que possível , acho que o amor trás o melhor de nós. Sei que falei no sentido relação de namorados, mas é pro acho que é quando se percebe o quando sou uma rapariga apaixonada elas  as minhas atitudes e assim....


              Bem gente e assim fica mais um bocadinho do que acho que sou e do que penso de determinadas coisas. Sei que não contei muito do que se anda a passar comigo , mas pronto não consigo escrever para já sobre o que ando a sentir mas tentarei acabar por contar tudo...Até lá desejem me boa sorte.